Em ação de aniversário, Pró-Sinos lança revista que relembra trajetória do consórcio

Ao completar 15 anos, entidade reúne histórico de atuação em publicação exclusiva

Em alusão aos 15 anos da entidade, o Consórcio Pró Sinos lançou a revista Pró-Sinos — 15 anos em Prol da Recuperação e da Conservação da Bacia Hidrográfica do Rio dos Sinos, a fim de registrar e divulgar a história da atuação da instituição junto aos municípios consorciados.

Desde 2007, o Consórcio Pró-Sinos vem colocando o saneamento básico no centro das discussões políticas e da sociedade, pautando a opinião pública e chamando a atenção dos meios de comunicação sobre a relevância do tema. Os municípios que compõem a Bacia Hidrográfica do Rio dos Sinos – atualmente, são 28 cidades consorciadas – uniram esforços para buscar a melhoria da qualidade das águas do rio. A iniciativa surgiu depois do desastre ambiental de 2006, que resultou na morte de aproximadamente 90 toneladas de peixes no curso d’água.

A publicação conta a história do consórcio – desde a fundação, em 2007, em São Leopoldo, até a transferência da sede para Esteio, em 2019 –, dos presidentes e das principais atividades realizadas nesse período. Organizado ao longo de 2022, o material também traz depoimentos de interlocutores ambientais de municípios consorciados e de professores de escolas participantes do Programa Saneamento na Escola.

“Contamos um pouco da história da organização nestes 15 anos de atuação, relembrando projetos que foram marcantes e atividades que estão em curso. É um trabalho que reúne informação e também serve como legado”, destaca uma das organizadoras da revista, Deise Poeta. 

O plano da Bacia Hidrográfica do Rio dos Sinos, de 2011, e a formulação dos Planos Municipais de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos, de 2012, são alguns dos destaques da revista. O Pró-Sinos construiu mais de 20 planos municipais de saneamento e passou a verificar, mensalmente, a qualidade das águas do rio, a partir do Programa de Monitoramento Espacial. Além disso, a educação ambiental é um dos carros-chefes da atuação, e inclui a criação do Plano Regional de Educação Ambiental, o assessoramento permanente do grupo de interlocutores ambientais, a elaboração e o compartilhamento de conteúdos didáticos e a realização de formações, além da criação da Plataforma de Educação Ambiental Virtual.

Para conferir a publicação na íntegra, clique neste link.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima